Acompanhe a Dataprev

A Dataprev repete boa performance verificada no Balanço Patrimonial de 2011 e fecha o ano de 2012 com lucro líquido R$ 153,6 milhões. Isso representa um percentual 3,39% maior do que 2011. O que demonstra que a empresa continua crescendo, apresentando bons resultados e investindo na melhoria da qualidade dos seus serviços.

As informações foram apresentadas durante a reunião conjunta do Conselho de Administração e Fiscal da Dataprev, realizada em 26 de março, para examinar as Demonstrações Contábeis de 2012. Na ocasião, o Conselho de Administração aprovou o Balanço Patrimonial, o Orçamento de Capital para 2013 e aumento do Capital Social. Além de aprovar a destinação do lucro líquido, que será assim distribuída: 5% para reserva legal, 23,75% para pagamento de dividendos e juros sobre capital próprio aos acionistas, 14,25% para reserva de reaparelhamento técnico e 57% para reserva de retenção de lucros.

O aumento do Capital Social da empresa também foi aprovado. Ele passou de R$ 210 milhões, para R$ 310 milhões, mediante a incorporação da importância de R$ 100 milhões, de parte de saldo das reservas de lucros, apresentadas pela diretoria executiva, dos quais R$ 40 milhões são provenientes da reserva de reaparelhamento técnico e R$ 60 milhões da reserva de retenção de lucros. Segundo o presidente Rodrigo Assumpção, a aprovação do aumento do capital social da empresa pelos acionistas reflete a confiança e a decisão do governo de apostar nos resultados propiciados pela Dataprev. O aumento ainda está sujeito à aprovação do Ministério da Fazenda e somente depois disso será formalizado.

Na reunião, os conselheiros apreciaram também o Programa de Participação nos Lucros e Resultados (PPLR), aprovado em reuniões prévias do Conselho de Administração e ratificado pelo Departamento de Coordenação e Governança das Empresas Estatais (Dest), órgão do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG). No resultado do exercício foi efetuada a provisão de R$ 6,4 milhões para distribuição aos empregados. Ela está sujeita tanto ao cumprimento das metas estabelecidas quanto ao pagamento dos dividendos aos acionistas.

Investimentos – Com o melhor percentual de investimento na história da Dataprev, foram investidos durante o exercício de 2012, 94,6% do orçado para o período. A empresa investiu, durante o ano, R$ 122,9 milhões – o que representa um aumento de 92,7% em relação ao realizado em 2011. Foi uma das melhores performances entre as empresas estatais federais. A excelente execução do orçamento é o resultado do avanço do planejamento estratégico da empresa, da melhor estruturação do processo de compras e aquisições e da gestão orçamentária e financeira da empresa.

Foram investidos R$ 101,4 milhões, sendo R$ 66,8 milhões para aquisição e manutenção de equipamentos de hardware e R$ 34,5 milhões, em software. Ou seja, a maior parte do recurso (82,5%) foi investida na atividade-fim da empresa, que é o desenvolvimento de tecnologia de informação. Esse movimento repete o comportamento das contratações em curso e continua em 2013, alinhado aos projetos previstos no Plano Estratégico 2010/2015. O restante foi aplicado em bens móveis, máquinas, equipamentos e imóveis.