Ir para o conteudo 1

O presidente da Dataprev recebe o prêmio da IstoÉ DinheiroA Dataprev foi eleita em 2017 campeã na categoria Serviços Públicos da 15ª edição da “As Melhores da IstoÉ Dinheiro”, da Editora Três. Esta é a terceira vez que a empresa vence nesta categoria. O presidente da empresa, André Leandro Magalhães, participou da cerimônia de premiação, realizada na quinta-feira (14), em São Paulo.

"É uma honra estar aqui representando os empregados da Dataprev, que com profissionalismo prestam e desenvolvem serviços de qualidade à sociedade brasileira e ao estado. A Dataprev é uma empresa pública, não dependente, que dá resultado positivo. Parabéns à família Dataprev".

A publicação “As Melhores da IstoÉ Dinheiro” avalia a atuação e o desempenho de empresas divididas por 23 setores. Além das escolhas setoriais, também são premiadas as melhores companhias do país, avaliadas de forma independente pela IstoÉ Dinheiro conforme as boas práticas de gestão financeira, governança corporativa, responsabilidade social, recursos humanos, inovação e qualidade.

O evento contou com a presença de autoridades governamentais e de executivos das empresas premiadas. Na foto à direita, o presidente-executivo da Editora Três, Caco Alzugaray, e o presidente da Dataprev, André Leandro Magalhães.

Lucro em 2016

A premiação leva em conta os resultados da empresa em 2016, ano em que a Dataprev reforçou sua postura de gestão focada na redução de custos e renegociação de contratos. Esses ajustes proporcionaram um saldo financeiro positivo, considerando as restrições orçamentárias dos principais clientes governamentais.

A Dataprev manteve bons indicadores, acima da média do mercado de TI, registrando um lucro líquido de R$ 184,0 milhões no ano. Já a receita operacional bruta totalizou R$ 1,436 bilhão, um crescimento de 3,77% em relação a 2015 em termos nominais. A receita líquida, de R$ 1,168 bilhão, cresceu 0,88%, impactada pelo aumento dos tributos e encargos vinculados à Contribuição Previdenciária sobre a Receita Bruta.

Em relação aos investimentos, houve crescimento de 29,64% na realização em comparação com o ano anterior. Dos R$ 85 milhões investidos, a maior parte (81,3%) foi destinada à Diretoria de Tecnologia e Operações, destacando-se a ampliação da capacidade de seus três data centers e a conquista da certificação Tier III em design no Rio de Janeiro e em São Paulo.