Acompanhe a Dataprev

 Planejamento Estratégico define os rumos que a empresa precisa adotar para atingir seus objetivos e metasA execução do Plano de Ação de 2019 da Dataprev representou um marco histórico. Foram alcançadas 86% das metas estabelecidas para o ano, balanço considerado positivo e que mostra a evolução e o amadurecimento das equipes na busca dos objetivos do Planejamento Estratégico da empresa.
 
O Planejamento Estratégico define os rumos que a empresa precisa adotar para atingir seus objetivos e metas e para atuar em linha com o que propõe a missão e visão da empresa. Esse monitoramento tem ocorrido regularmente, com as lideranças se reunindo mensalmente para acompanhar a evolução da estratégia e revisar os rumos a serem seguidos pela Dataprev.
 
A presidente da empresa, Christiane Edington, destacou que 2019 foi um ano de reposicionamento da Dataprev enquanto empresa especializada em soluções digitais alinhadas aos objetivos de Transformação Digital e desburocratização do Estado. “O índice de execução do Plano de Ação alcançado em 2019 foi um avanço e mostra o compromisso e a competência de toda equipe envolvida nos resultados alcançados. Conseguimos resultados incríveis, mas foi apenas um aquecimento para um projeto muito maior, refletido no Plano de 2020", afirmou Christiane.
 
Isabel Machado, diretora de Governança Corporativa e Jurídica, resumiu o atingimento histórico da execução do Plano de Ação 2019, citando o pai da administração moderna, Peter Drucker. “O planejamento não diz respeito a decisões futuras, mas às implicações futuras das decisões presentes”. Ainda de acordo com a diretora, “quando a estratégia da empresa foi revista, todo o corpo diretivo da empresa sabia dos desafios que seriam enfrentados, porém, todos tinham a certeza de que seria possível superar os desafios impostos, devido ao engajamento e o comprometimento do corpo funcional da empresa em contribuir para o atingimento de sua nobre missão de prover cidadania digital ao alcance de todos", comentou a diretora.
 
Para o coordenador-geral de Planejamento e Gestão, Frankmar Fortaleza, os resultados do Plano de Ação são reflexo de um planejamento participativo, focado em ações que traduzem os esforços dos empregados em ações concretas para um Estado mais eficiente e uma sociedade mais conectada. Ele também citou Peter Drucker, ao dizer que: “Não podemos prever o futuro, mas podemos criá-lo” e completou “para tornar nossa empresa uma referência mundial em soluções digitais de governo”, afirmou Frankmar.
 
A superintendente de Governança e Gestão Estratégica, Caroline Costa, ressaltou que os desafios continuam no ano de 2020. “Temos para o ano vindouro um Plano de Ação arrojado, que visa atender o cenário atual de transformação digital, onde a digitalização dos serviços públicos é prioridade e necessário para tornar a Dataprev protagonista na promoção à sociedade de serviços públicos ágeis, além da consequente realização da eficiência do Estado”, finalizou Caroline.