Ir para o conteudo 1 Ir para o menu principal2 Pular lista Órgãos de Governo3

Usamos cookies para melhorar sua experiência de navegação no Portal Dataprev. Para ter mais informações sobre como isso é feito, acesse nosso Aviso de PrivacidadeAo continuar navegando, você confirma que leu, compreendeu e consente com a utilização de cookies.

Atualizado em: 
sex, 23/02/2024 - 17:11

Contrato firmado entre MGI e Dataprev é apresentado a Ministérios em Brasília. Modelo que atende órgãos do governo visa eficiência na gestão das demandas

A secretária-executiva do MGI, Cristina Mori, e o presidente da Dataprev, Rodrigo Assumpção, durante a reuniãoO contrato firmado entre o Ministério da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos (MGI) e a Dataprev – que prevê o atendimento a demandas de tecnologia da informação e comunicação de um total estimado de 21 órgãos do governofoi apresentado a representantes de diferentes Ministérios em reunião realizada na sede da empresa, esta semana, em Brasília. O documento, que tem vigência até 29/12/2028, tem entre os objetivos impulsionar a transformação digital de parte importante das soluções tecnológicas que suportam o funcionamento da Administração Pública Federal, especialmente da área social do Estado brasileiro.

O contrato com a Dataprev faz parte dos esforços de modernização que o MGI vem desenvolvendo desde a criação do Centro de Serviços Compartilhados, o ColaboraGov, que promove o compartilhamento entre diferentes Ministérios de atividades relacionadas à gestão de pessoas; orçamento, finanças e contabilidade; administração e logística; tecnologia da informação, gestão estratégica, entre outras.

A secretária-executiva do MGI, Cristina Mori, explicou que a centralização de atividades possibilitou padronizar processos e diminuir redundâncias, dando mais celeridade. “Isso leva a reduções significativas nos custos operacionais e melhoria na qualidade dos serviços prestados”, afirmou.

O presidente da Dataprev, Rodrigo Assumpção, destacou o novo modelo como uma ação inovadora de gestão que tem muito a contribuir para o Brasil. “A Dataprev, como empresa pública de tecnologia, contribui para a manutenção e ampliação das iniciativas de digitalização, automação de processos e transformação digital dos serviços públicos”.

Também participaram do encontro o secretário de Governo Digital do MGI, Rogério Mascarenhas, e o secretário de Serviços Compartilhados do MGI, Cilair Abreu.

Serviços oferecidos 

Os serviços oferecidos pela Dataprev estão organizados em seis categorias: produção de soluções; desenvolvimento de software, manutenção e extração de dados (para sistemas estratégicos e estruturantes); informação (consulta a bases oficiais de governo e serviços de inteligência de dados-BI); infraestrutura (GovCloud, CRM, plataforma de atendimento, Sistema Eletrônico de Informações-SEI, Programa de Gestão de Desempenho-PGD); consultoria e outros serviços (para demandas ainda a serem categorizadas).

Segundo o gerente do Departamento de Relacionamento Comercial da Dataprev, Pedro Neto de Oliveira, o escopo flexível e o prazo da contratação dão ao governo federal o arcabouço necessário para responder de maneira mais rápida e integrada às demandas crescentes de vários ministérios que chegam ao MGI.

A gestão do contrato será centralizada no ministério. Os órgãos que desejem utilizá-lo deverão se dirigir ao MGI, que alinhará as demandas a serem encaminhadas à Dataprev para execução.

Sobre o ColaboraGov

O decreto nº 11.837 que estabeleceu o ColaboraGov e expande o sistema de compartilhamento de serviços foi publicado em 22 de dezembro de 2023. Além do MGI, a parceria já engloba o Ministério do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços; Ministério da Fazenda; Ministério dos Povos Indígenas; Ministério do Planejamento e Orçamento e o Ministério do Empreendedorismo e da Microempresa, entre outros.

O Portal de Serviços Compartilhados traz informações sobre o Centro de Serviços Compartilhados, a atuação do ColaboraGov, a trajetória do projeto, as unidades em todo país, órgãos atendidos e Catálogo de Serviços.

* Foto: Washington Costa/MGI